Prevendo A Próxima Dirupção em Mídias Sociais

Prevendo A Próxima Dirupção em Mídias Sociais

Jonny Rosen
4 Janeiro 2017

Quando o Facebook apareceu em cena, ele mudou nosso approach nas mídias sociais. Ele ditou as regras de como as redes sociais deveriam proceder e ele se tornou rapidamente o maior player no jogo.
Pinterest foi um outro game changer. Logo depois que ele apareceu em cena, se tornou a mídia social que mais cresceu na história. Não havia nenhum outro site como este e logo ele se tornou o maior influenciador em campo, fazendo com que os marketeiros tivessem que retrabalhar suas estratégias e inspirando dezenas de sites falsos.
Nós sabemos que as mídias sociais vieram pra ficar, mas falta saber como eles irão evoluir. Nós temos certeza de que a medida que a tecnologia evolui e o comportamento dos usuários muda, a mídia social também acompanhará as mudanças. Nós estamos só imaginando qual será a próxima grande dirupção nas redes sociais.

O que Gera uma Dirupção?

Para começar, nós precisamos entender exatamente o que conta como uma “dirupção”

O fato de apenas lançar uma nova mídia social, não é uma dirupção. Se este fosse o caso, centenas de mídias sociais que foram apresentadas e caíram no esquecimento, contariam com uma dirupção e elas certamente não causaram isto.
Para contar como uma verdadeira dirupção, um novo site ou tecnologia, precisaria ser:

● Oportuna. A evolução tecnológica pode acontecer muito lentamente ou de uma hora para a outra. Para diruir a mídia social, a dirupção precisa ocorrer muito de repente, quase imediatamente. Aplicativos mobile, são um exemplo de uma evolução lenta já que levou anos para que as pessoas os usassem para acessar as mídias sociais. Facebook Live foi uma mudança imediata porque foi apresentada e incorporada imediatamente.
● Significante. Nenhum site ou tecnologia pode ser considerada diruptiva se não causar um grande impacto. Por exemplo, os novos emojis de reação que o Facebook oferece além do tradicional “like”, não causou um impacto significante porque eles somente mudaram minimamente a maneira que as pessoas interagem com os updates. No entanto, os filtros e lentes do Snapchat podem ser consideradas uma dirupção já que eles realmente mudaram o modo com as pessoas podem postar fotos e vídeos.
● Abrangente. Para ser uma dirupção, a tecnologia ou o site também tem que alcançar uma vasta gama de pessoas ou ser afetiva a um grande número de aplicativos ou dispositivos. Então, se um site pequeno oferece uma nova funcionalidade que afeta somente os usuários do seu site, ela não pode ser diruptiva. Mas se o Facebook introduz uma nova funcionalidade que compreende todos os seus usuários e também inspira outros sites a oferecer algo similar, isto é diruptivo.

Ter uma definição básica do que pode ser considerado diruptivo, nos ajuda a avaliar novas tecnologias e sites. Então nós podemos ver se uma mudança verdadeiramente influenciará o futuro ou se será apenas outra novidade passageira.

Dirupções Potencialmente Novas

Facebook é a rede social mais influenciadora e continuará sendo num futuro previsível.
Por causa do que muitos chamam de “o Efeito Facebook”, não é provável que outra mídia social vá emergir e ter muita influência. Então, deve demorar um tempo até que vejamos a próxima grande dirupção.

Entretanto, alguns diruptores potenciais podem ser:

● Sites Existentes. Para assumir o poder, você já tem que ter algum poder e existem muitas mídias sociais que estão na posição certa para isto. Twitter, especialmente, pode se tornar o próximo grande diruptor. Foi um diruptor quando começou e continua a ser um das top mídias sociais. Ele pode evoluir e prover novas ofertas, permitindo que tome a liderança do Facebook ou que introduza uma nova funcionalidade que possa derruir o cenário atual.
● Gimmicks. Gimmicks usualmente não são considerados novidades que produzam efeito tão imediato quanto são lançados, mas algumas inovações começaram como gimmicks. Desde que os gimmicks começaram a ser moda, essencialmente eles ganham muita atenção imediatamente e pegam pressão. A próxima dirupção poderia vir de um truque que nunca perde sua dinâmica. O gimmick poderia também se tornar a próxima grande coisa ou poderia influenciar outros site a oferecerem funcionalidades semelhantes.
● Hardware. Pense em como o mobile mudou as mídias sociais quando decolou. Agora pense no que poderia acontecer se os fones de ouvido de realidade virtual decolassem. Ou se relógios smart ou otros dispositivos smart se tornassem a próxima grande coisa. Nós poderiamos estar entrando em um novo mundo de mídias sociais e Internet, bem ousado.

Quando estes elementos aparecerem no tempo certo e com o alcance certo, nós estaremos olhando para algo novo e excitande de como vivenciamos a mídia social.

Qualquer que seja a mudança para mídia socia vai trazer grandes mudanças para o cenário online e para os marketeiros em geral. É importante que você se mantenha informado sobre quais mudanças estão acontecendo e ser flexível o suficiente em seus planos de marketing para se adaptar a elas. Você não quer ser a pessoa que está acabando de entrar no Facebook depois de anos que ele foi o deruptor.

Este artigo apareceu originalmente no CodeFuel.

Este artigo foi escrito por Jonny Rosen do Business2Community e foi legalmente licenciado através de NewsCred rede de publicadores.